Carregando...
Beat! Percussion Fever
  • slidebg1
    Baião

Baião

Breve histórico

O baião surgiu como uma adaptação das danças rítmicas nordestinas tradicionais, conhecidas como baiano e rojão, que, segundo o folclorista Cascudo, nasceram da influência do cantochão religioso nas rodas populares entre violas, zabumbas, pífanos e sanfonas de oito baixos dos trabalhadores rurais.

A banda base percussiva do gênero é composta por zabumba, triângulo e caixa, podendo ser acompanhada por viola, rabeca ou sanfona e, ainda, pandeiro e agogô, dependendo da região onde se manifesta.

O baião se consolidou como gênero musical a partir da música homônima de Gonzaga/Teixeira nos anos 1950. Com a sua popularização, demais músicas populares nordestinas se encontraram no genérico baião pelo característico ponteio dos improvisos e desafios das violas e dos cantadores. O baião também representa uma fusão de elementos rurais e urbanos, tradicionais e contemporâneos, a partir da atuação no Rio de Janeiro de nordestinos que precisavam adaptar suas tradições musicais ao ambiente urbano e dançante.

Muitos cantores e compositores da MPB consagraram o gênero, que, aos poucos, se transformou no gênero musical brasileiro de maior influência no exterior até os anos 1960, quando começou a perder lugar com o surgimento da Bossa Nova.

Instrumentos

Instrumentos usado em Baião

Baião

Agogô

Baião

Pandeiro de Couro

Baião

Triângulo

Baião

Zabumba